Energia Primordial

A energia que anima o corpo dos seres humanos que vivem de luz, é de uma ordem que não pertence ao espectro eletromagnético. Por isso, o instrumental utilizado pela Dra Valerie Hunt para monitorar Emile Conrad ao executar sua dança, não indicavam nenhum registro.

 

Por outro lado, o corpo humano, como um sensor, na experiência do engenheiro De Vitta, é capaz de perceber mesmo que inconscientemente, alterações no ambiente que se traduzem por alterações da voltagem na pele.

 

Aparentemente este mesmo tipo de energia é utilizado pelos animais, plantas e células para se comunicarem como foi experimentalmente comprovado por Cleve Backster.

 

Yogues através de um treinamento mental são capazes de controlar esta energia e gerar luz através de seus corpos.

 

Nossa moderna tecnologia consegue condensar a energia eletromagnética de uma  parte do espaço em matéria, e também manipular fóton a fóton (quantum de luz) a energia eletromagnética.

 

Contudo a energia do vácuo quântico ainda é misteriosa, porque está alem do espectro eletromagnético.

 

Esta energia tem sido descoberta por diversas pessoas ao longo da historia e cada um lhe dá um nome diferente: Energia Vital; Energia Ódica; Energia Elóptica; Energia Radiante e Magnetismo Animal são algumas destas denominações.

 

Nikola Tesla e Viktor Schauberger  desenvolveram equipamentos que produziam força e trabalho utilizando esta energia. Sabemos como utilizá-la mas ainda não sabemos como é  gerada.

 

Muitos terapeutas utilizam esta energia para curas através do equilíbrio energético dos seus clientes.

Reiki e Johrei são exemplos de terapias que se valem do uso desta energia.

 

O engenheiro alemão Konstantin Meyl publicou um livro –  Scalar Waves -onde aborda uma questão sobre as bases do nosso conhecimento tecnológico a respeito do eletromagnetismo. Sua tese é de que J.C. Maxwell utilizou-se apenas da matemática para estabelecer as leis sobre o eletromagnetismo, enquanto M. Faraday utilizou experimentos empíricos. A partir da formula de Schörindger para a função de onda, ele mostra que Maxwell abandonou uma parte da equação de onda, que corresponde a esta energia que não é mensurável através do eletromagnetismo.

http://www.meyl.eu/go/index.php?dir=10_Home&page=1&sublevel=0

 

Esta energia se caracteriza por estar em equilíbrio em boa parte do tempo, mas quando é desequilibrada, tende automaticamente a se reequilibrar e neste momento gera trabalho.

 

Norberto Keppe escreveu A Nova Fisica da Metafisica Desinvertida, e com base nela os engenheiros Cesar Soos e Roberto Frascari desenvolveram o Keppe Motor. Um motor que trabalha por horas e não emite radiação térmica.

http://www.keppemotor.com/

 

Viktor Schauberger desenvolveu o motor de implosão utilizando a energia do ambiente que nos envolve e que também não emitia radiação térmica. Através da polarização do ar e de forçar a aproximação de camadas eletricamente iguais, a força de repulsão magnética cria uma força proporcional a quarta potencia da distancia (efeito Casimir ), superior a força da gravidade que é proporcional ao quadrado (segunda potencia) da distancia. Sendo a quarta potencia muito superior à segunda, o motor pode vencer a força gravitacional da Terra.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Efeito_Casimir

 

Seguindo a nominação dada por Meyl, e que também é utilizada pelo pesquisador Thomas Bearden, chamaremos esta energia de Energia Escalar.

http://www.cheniere.org/

 

Escalar diz-se de uma grandeza que tem magnitude mas não tem uma direção definida é omnidirecional. A temperatura é um exemplo de grandeza escalar.

Em contrapartida, temos as grandezas vetoriais que tem magnitude e direção, como a velocidade.

 

A propósito, temperatura é uma medida estatística do nível de agitação entre moléculas (ou átomos) relacionado com o deslocamento da energia cinética de um átomo ou molécula. Em Física, a temperatura está relacionada com a energia interna de um sistema termodinâmico.

 

A temperatura costuma ser medida por um termômetro e indica o grau de intensidade do calor em um determinado território. A noção de calor é varias vezes erradamente associada a uma maior temperatura, enquanto a noção de frio está associada a uma menor temperatura. Apesar disso, o calor consiste na energia térmica que transita de um corpo com maior temperatura para outro de menor temperatura. Esse é um processo efêmero que termina quando os dois corpos em questão atingem o equilíbrio térmico. O estudo deste processo chama-se termodinâmica.

 

O condensado Bose- Einstein foi obtido através do bombardeio de lasers nos átomos confinados em uma “gaiola eletromagnética”. A medida que os átomos eram impactados pelos feixes de laser eles perdiam velocidade e com isto a atividade cinética diminuía e iam condensando até formar matéria.

 

Obtemos gelo de forma semelhante ao colocar a água em ambiente de baixa temperatura, que diminui a agitação das moléculas, e de forma contraria, obtemos vapor pelo aumento de agitação das moléculas transferindo energia pelo calor.

 

 

Lembremo –nos da teoria apresentada pelos físicos russos G.I.Shipov, A.E. Akimov e colaboradores, que oferece um relato matematicamente elaborado da ligação entre eventos próximos ou distantes através do “vácuo físico”. O ponto essencial de sua teoria afirma que as partículas carregadas “excitam” o estado fundamental do vácuo e criam nele vórtices diminutos. O campo resultante é um sistema de pacotes de onda giratórios de elétrons e pósitrons. Onde esses pacotes estiverem mutuamente encaixados, esse “campo de torção” é eletricamente neutro. Se os pacotes encaixados tem spins opostos, o sistema é compensado não apenas em carga, mas também em seu spin e momento magnético clássicos. Tal sistema é um “fiton”. Densos ensembles de fitons são um modelo aproximado do campo de torção do vácuo. Os vórtices desse campo carregam informação, ligando partículas com a estonteante velocidade de um bilhão de vezes a velocidade da luz. (cE9).

 

Desta teoria e confrontando com os fatos expostos, temos que:

 

1)  a natureza se manifesta em vórtices, e Schauberger utilizou esta forma de trabalhar a energia através da sua tecnologia de implosão.

A energia de implosão não tem radiação térmica.

 

2) os vegetais vivem através de fotossíntese e temos pessoas que vivem (e tem saúde) da energia absorvida do ar e da luz.

 

3) os alimentos são pacotes de energia solar que se transmitem aos seres humanos quando processados na digestão.

 

4) pessoas que meditam e entram em estado de fluxo, tem acesso a informações que lhes chegam como intuição.

 

5) Os corpos humanos tem centros de energia (chakras) que são vórtices.

 

4) a velocidade dos vórtices de informação são da ordem de 1 bilhão de vezes a velocidade da luz e o espectro eletromagnético está limitado a velocidade da luz.

 

5) as partículas carregadas “excitam” o estado fundamental do vácuo e criam nele vórtices diminutos. O campo resultante é um sistema de pacotes de onda giratórios de elétrons e pósitrons. Onde esses pacotes estiverem mutuamente encaixados, esse “campo de torção” é eletricamente neutro. Thomas Bearden diz que não percebemos a energia existente no ar que nos envolve – o Prana dos hindus, o Chi dos chineses e o Ki dos japoneses  – porque é similar a perguntar a um peixe o que é água. Desde que nascemos estamos envoltos por esta energia e não a percebemos por estarmos imersos nela.

 

6) Onde esses pacotes estiverem mutuamente encaixados, esse “campo de torção” é eletricamente neutro.

Onde não estiverem encaixados há uma energia resultante que se manifesta em vórtices.

 

7) O Keppe motor desenvolve vórtices de energia em torno de si, e não emite radiação térmica.

 

Pode-se concluir que :

 

Existe um campo de energia sutil, não mensurável pelos equipamentos  disponíveis atualmente, mas que impregna tudo o que existe no mundo físico.

Os seres vivos – humanos e animais – são afetados por variações neste campo de energia, e isto pode ser medido através de variações de diferenças de potencial (voltagem), como já visto no experimento do eng.

De Vitta.

A manifestação de movimento deste campo se dá através de vórtices, cuja  presença é encontrada na natureza e nos seres humanos.

Nos seres humanos existem centros de energia, que na cultura indiana são conhecidos como “chakras”.

As células humanas emitem luz coerente de fraca intensidade – biofotons – que tem propriedades similares ao Laser.

O laser possibilitou o desenvolvimento da ótica quântica – que permite manipular a luz fóton a fóton – dando origem a fotonica.

Meditadores experientes conseguem a partir da energia de seus corpos emitir luz coerente.

É possível portanto que através da mente, possamos nos comunicar usando a energia escalar sem precisar de nenhum equipamento.

Também  é possível, manipular através da mente os fótons que compõem o corpo humano, tal como a fotonica o faz.

De forma similar, o corpo humano pode ser afetado pelas radiações / freqüências que o atingem.

 

Como declarou Nikola Tesla, “ no dia em que a ciência começar a estudar os fenômenos não-físicos, fará mais progressos numa só década do que em todos os séculos anteriores de sua existência”.

 

Tesla


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 − um =

Próximo Capítulo:
O fato de haver pessoas que vivem de luz, apenas…